HOME | SEJA UM PARCEIRO CDI | SOLICITE UMA DILIGÊNCIA | SISREDE

Artigos / Notícias


Justiça em Números: tempo de acervo caiu em 2017 com julgamento de casos antigos

26 de setembro de 2018

O tempo do acervo, prazo dos processos pendentes de conclusão, entrou em ritmo de queda em 2017, passando de 5 anos e 7 meses, em média, em todo o Poder Judiciário em 2016, para 5 anos e 1 mês em 2017. Os dados constam no Relatório Justiça em Números 2018, divulgada em agosto pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Artigo/Notícia completa
Autor: CNJ, CNJ

Entrevista, Dulce Emídio, CDI - Entenda como opera esta empresa de logística da área jurídica

18 de setembro de 2018

    Cada vez mais empresas, escritórios de advocacia e profissionais autônomos estão buscando companhias especializadas em logística da área jurídica. Dulce Emidio, coordenadora da Central de Diligências (CDI), que presta esses serviços há 10 anos para todo o território nacional, avalia essa tendência do mercado.   

Artigo/Notícia completa
Autor: Blog Políbio Braga, Blog Políbio Braga

TJPR é um dos tribunais estaduais mais produtivos do país

12 de setembro de 2018

No relatório “Justiça em Números” divulgado nesta semana e que reúne dados de 90 tribunais sobre o funcionamento da Justiça referentes ao ano de 2017, o Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) foi destaque em vários aspectos.

Artigo/Notícia completa
Autor: TJPR, TJPR

Depósito judicial tem nova sistemática no STJ

05 de setembro de 2018

A Resolução 9/18, publicada no final de agosto, instituiu nova sistemática para o recolhimento dos depósitos judiciais de origem tributária e não tributária relativos aos processos de competência do Superior Tribunal de Justiça (STJ), a exemplo dos realizados para ajuizamento de ação rescisória e pagamento de multas referentes ao agravo interno manifestamente inadmissível/improcedente ou aos embargos de declaração meramente protelatórios.

Artigo/Notícia completa
Autor: STJ, STJ

Aumentar eficiência é objetivo central da nova gestão

29 de agosto de 2018

A prioridade do novo presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro João Otávio de Noronha, é aumentar a eficiência. Ou, como diz, transformar o STJ no “tribunal mais eficiente do Brasil”. Segundo ele, por meio de reformas estruturais internas, que envolvam uma mudança comportamental e cultural do servidor, desburocratização e simplificação dos serviços, é possível avançar e trazer mais eficiência para atingir o objetivo da duração razoável do processo.

Artigo/Notícia completa
Autor: STJ, STJ
PÁGINA(S):
<<<34567891011>>>